Oftalmologia

Clínica Veterinária do Lis

Clínica Veterinária do Lis

O nome oftalmologia provém do grego ophthalmós que significa olho e logos que significa ciência ou estudo. Por isso, e tal como o nome indica, a Oftalmologia é o ramo da medicina que investiga, diagnostica e trata as doenças relacionadas com a visão e com os olhos e seus anexos.

O olho é um órgão que permite detectar a luz e transformar essa percepção em impulsos eléctricos dando origem à visão. A visão é um dos sentidos que permite aos animais melhorarem a sua percepção do mundo.

Muitos são os problemas que afectam o olho, alguns deles podendo mesmo levar à cegueira. À medida que os animais se tornam mais velhos poderão surgir problemas oculares próprios da idade (ex: cataratas).

Aconselha-se assim, que os donos dêem especial atenção aos olhos, pois problemas simples, se não forem detectados precocemente, podem evoluir e originar lesões oculares muito severas.

Oncologia

A Oncologia é a especialidade médica que se dedica ao estudo, diagnostico e tratamento das neoplasias.

O termo neoplasia vem do grego neo que significa novo e plasia que significa tecido e designa alterações celulares com crescimento celular anormal autónomo e sem controlo. Estas células perdem a capacidade de se diferenciar, devido às mudanças nos genes que regulam o crescimento e a diferenciação celulares.

As neoplasias podem ser malignas ou benignas. A diferença entre ambas é a capacidade de gerar metástases (formação de uma nova lesão a partir de outra, mas sem continuidade entre as duas) pelo corpo, assim como a velocidade do aumento do tecido afectado.
Na neoplasia benigna, as células por norma estão envolvidas por uma membrana que limita o seu crescimento e evita a formação de metástases. Pelo contrário, na neoplasia maligna, esta membrana é inexistente, podendo crescer sem controlo e espalhar-se pelo corpo.
 Os tratamentos hoje existentes são quimioterapia (fármacos administrados por via endovenosa ou oral), radioterapia (destruição das células cancerígenas por meio da radiação), cirurgia (retira-se parte ou todo o órgão atingido) e a imunoterapia (estimulação artificial da produção de anticorpos e citoquinas).

Hoje em dia as neoplasias mais frequentes são os chamados tumores de mama, que normalmente são malignos. A extirpação cirúrgica é, no momento, dos tratamentos de maior sucesso. Uma arma poderosa contra este tumor é a esterilização precoce das fêmeas (o aparecimento destas neoplasias é estimulado pelas hormonas femininas),   evitando assim o seu aparecimento a longo prazo.

Devido à grande diversidade existente de tumores, se notar qualquer aparecimento de nódulos no corpo do seu animal, marque uma consulta veterinária o mais cedo possível.

 
design binário